terça-feira, 12 de junho de 2007

A NOITE


Te esperei esta noite! não vieste olhei para cima da mesa vi a flor que me deste no dia anterior, me excitei ao pensar no que nos aconteceu nessa noite te lembras? a noite que passamos? nos beijamos,nos acariciamos-nos, te mordi a orelha lentamente sem pesar no que podia acontecer!! e aconteceu ! te lembras?

8 comentários:

lili disse...

ao menos esperas-te deitada heheheh

quanto ao teu comentario obrigada mas, é triste mesmo mais nada um bom dia

AcidoCloridrix disse...

Isto tudo e ainda não passei teu corredor a pano.... lembras-te????

Anônimo disse...

Doces e sexys lembranças...
TEnho algumas dessas também.
E aquecem minhas noites de inverno como uma colcha de retalhos multi coloridos.

Beijos, menina.

Rafeiro Perfumado disse...

Por acaso não me lembro... não me digas que voltaste a abusar da minha bebedeira!!! ;

Nelson Ngungu Rossano disse...

Expresiva essa foto, bem como as palavras elucidativas que a complementam, bem quanto ao poema, deixa-me conhecer-te melhor -logo vejo se mereces...
bjoooos

herético disse...

diz-me: quem poderá esquecer?... rss. gostei muito.

grato pela visita.

beleza de mulher disse...

lili sempre foi melhor

AcidoCloridrix bem que podias passar tenho gente em casa e o chão do corredor està sujo

marcelo sempre lembranças sempre

rafeiro perfumado pois bem me pareceu que estavas bebado hehehe

Nelson Ngungu Rossano eu quero o meu poema e "mai nada" hehehe

herético gostas-te volta sempre heheheh

Insanidad3 disse...

Apaixonei-me pela foto que tens neste post.